• FEED

Alexandre Alves

Como fazer para votar de forma mais consciente?

05 out 2012 - Por em Vida Verde

Hoje recebi, via spam, um convite para participar de um encontro com um candidato deste próximo pleito à câmara de vereadores de minha cidade.

Minha primeira reação, obviamente instintiva, foi a de xingar a quem comprou ilicitamente uma lista de endereços, onde o meu figurava. “Tratar de assunto tão importante e ético partindo de um gesto escuso?” – pensei.

Felizmente, com uma paciência que não me é tão comum, decidi dar uma olhada no remetente e descobri tratar-se de pessoa com quem tenho grande afinidade e, ao ler a introdução do texto acabei adorando a iniciativa. Principalmente porque não se tratava de uma provocação vazia, mas da apresentação de um candidato que traz associado a seu nome uma proposta, fala de assuntos pertinentes e apresenta-se disposto a, pelo menos, dialogar publicamente…

Resolvi me aprofundar no assunto pois, ainda que não concorde com suas idéias, considero importante que nos acostumemos a participar deste momento, afinal, ele define o nosso futuro e o futuro de nossos vizinhos e amigos.

Por conta de uma agenda apertada, eu não poderia participar de tal encontro, mas acabei dando uma boa olhada no programa do tal candidato e de seu partido, além de dar uma conferida no Programa Cidades Sustentáveis (provocado pelo discurso do próprio). Para minha surpresa, notei que todos os candidatos de ponta ao cargo majoritário (prefeito) são signatários do programa, por mais que isto possa parecer contraditório para alguns.

Percebi então que fazia sentido levar a lição pra casa e comparar os programas publicados pelos prepostos a usufruir de meu voto (e suas benesses), com os compromissos que eles assinaram. Se não encontrasse muitas afinidades, com certeza encontraria as brechas nos discursos duns e doutros, o que me poderia servir para escolher entre o menos pior, no caso de não me aparecer um melhor.

Pois é, uma trabalheira… Mas sempre foi muito difícil e muito trabalhoso separar o joio do trigo. Uma tarefa que não se mostra tão difícil assim é saber quem tem compromisso conosco ou não, vejam o exemplo aí:

Meta do Programa Cidades Sustentáveis (que todos assinaram):
Orçamento executado decidido de forma participativa
Percentual do orçamento executado decidido participativamente.
Meta: Implantar o Orçamento Participativo, divulgá-lo em formato aberto e atualizar constantemente todos os dados referentes ao orçamento da cidade.


Não é preciso nem muito esforço para descobrir que nenhum dos candidatos mais cotados em minha cidade tem esta preocupação relatada em seu programa… Pelo menos não da forma como está aqui proposto.

Bem… Pra concluir, acredito ser imprescindível que tiremos alguns minutos para a reflexão sobre um assunto tão importante como a eleição municipal. Afinal, por maior e mais importante que seja a nossa nação, todos nós vivemos e dependemos das pequenas resoluções que se passam em nossos municípios, muito mais do que das macro políticas públicas ditadas a partir do Planalto Central.

É nas cidades e seus entornos que nossa vida acontece, que nossos filhos crescem ou adoecem, onde nossos vizinhos e amigos se encontram, se esbarram e aprendem a conviver (ou não) em comunidade.

E, para não desperdiçarmos o que de mais precioso temos para controlar nossa sociedade, lembrem-se de duas coisas sobre representação política em nosso país (e seu desvirtuado sistema eleitoral):

1) Não há voto útil (aquele que agente usa, influenciado pelas pesquisas, pra não deixar um cara ruim chegar lá) num primeiro turno concorrido, nem para cargos proporcionais (câmaras). Aqui todos devemos votar conforme nossa própria convicção;

2) Quanto maior for a diversidade de idéias nas câmaras legislativas, melhor para a população, que terá sua diversidade lá espelhada. Ali, ética e compromisso valem mais do que experiência e nome forte, pelo menos para quem fica de fora (o cidadão).

Se quiserem se aprofundar no assunto, confiram a página do Movimento Voto Consciente e não deixem de honrar seu voto.

Imagens: Programa Cidades Sustentáveis / Movimento Voto Consciente

Sobre o Autor: Alexandre Alves ( | G+ )

Alexandre Alves

Alexandre Alves é Gestor Ambiental, Empresário e mergulhador nas horas vagas. Outros textos do Alê, você encontra no blog Ambiente Diário.

Site: http://ambientediario.blogspot.com.br - Veja todos os artigos de

Faça seu Comentário