• FEED

Vanessa Mendes Argenta

Telhado ecológico – Que tal levar um pouco de verde para o telhado de sua casa?

10 jul 2011 - Por em Arte e Design

Atualmente, um dos maiores problemas das grandes cidades é a impermeabilização do solo: o costume de asfaltar todas as ruas e cimentar todos os pátios e praças gera ilhas de calor (por conta do aquecimento) e enchentes, pois a água da chuva não consegue penetrar no solo, alagando rapidamente bairros e até cidades inteiras.

Além do aumento de arborização nas ruas e praças e do uso de asfalto mais permeável como o bioasfalto, a colocação de telhados verdes nas casas e edifícios pode aumentar muito a qualidade de vida urbana, pois:

  • não custam mais que um telhado convencional,
  • purificam o ar,
  • diminuem a velocidade de escoamento das águas pluviais,
  • retém a chuva, auxiliando na drenagem urbana,
  • aumentam o conforto térmico e acústico da edificação e
  • auxiliam no resfriamento do ar, tanto externo (atenuando as ilhas de calor urbanas) como interno (diminuindo o uso de aparelhos de condicionamento de ar).

Para instalação do telhado verde, recomenda-se contratar uma empresa especializada. Pode-se fazer numa nova edificação ou nas existentes, substituindo as telhas cerâmicas. O peso que é decarregado na estrutura é praticamente o mesmo dos telhados convencionais, não encarecendo a obra: um metro quadrado de telhado verde custa cerca de 120 reais.

  • Membrana à prova d’água (para impermeabilizar) – lona vinílica, manta plástica, etc.;
  • Camada de drenagem (para reter e drenar a água) – brita, cacos de telhas, refugos da indústria cerâmica, etc.;
  • Solo ou substrato (para absorver a água e dar nutrientes para a vegetação) – terra do próprio local;
  • Cobertura (para impedir a erosão) – serragem, fibras de côco, refugos da indústria madereira, etc.;
  • Vegetação

Recomenda-se utilizar plantas de porte baixo, raízes não profundas, crescimento lento e que não necessitem de muita manutenção. O ideal é utilizar plantas nativas ou que já estejam adaptadas ao clima local. No Brasil, as mais indicadas são as seduns, que resistem bem às intempéries, e as menos indicadas são as gramíneas comuns, por crescerem muito e necessitarem de constantes cuidados.

Além disso tudo, a cidade ainda fica mais bonita! Não seria bem melhor vermos muito verde ao invés do cinza usual de nossos centros urbanos?

Links Externos – Ecotelhado / Sedum Wikipedia / Planta Certa para Telhado Ig

Sobre o Autor: Vanessa Mendes Argenta ( @vanmagenta | G+ )

Vanessa Mendes Argenta

Arquiteta e Urbanista

Site: http://www.flickr.com/photos/vanmagenta - Veja todos os artigos de

Faça seu Comentário

  • só dá certo se o telhado tiver laje? se for de telhas de ceramica aparente   não dá não? gostaria muito de fazer um numa sala de telhado de telhas aparentes… evitaria o fato de eu ter q cortar uma árvore  Sibipiruna de 18 anos q faz a água da chuva cair dentro de casa por causa das folhinhas q penetram entre as telhas…

  • Oi Chirley! As placas podem ser instaladas por cima das telhas cerâmicas, sim, mas recomenda-se que seja contratada uma empresa especializada, para evitar futuros aborrecimentos. Além disso, o peso na estrutura vai aumentar, então seria necessária a análise de um engenheiro civil para ver se a edificação existente suporta esse sobrepeso.
    A sibipiruna é uma árvore maravilhosa, esperamos que consiga mantê-la! =]
    Abraço.

  • Maravilhosa a ideia ameii quero na minha casa, mais mesmo falando q não encarece a Obra tenho minhas duvidas ? gostaria de saber de alguma empresa de Goiânia q oferece esse serviço!?!
    mais mesmo assim a ideia e Ótima!! 

  • Diasellen

    Por favor gostaria de saber se existe empresa no Rio de Janeiro que faca o servico,obrigada,abs, Ellen Dias.

  • Este tipo de telhado só daria certo, se planejado no momento em que se faz o projeto da edificação, pois tentar colocar algo do tipo em cima de um telhado que foi projeto somente para suportar o peso das telhas seria suicidio… sobrecarregaria a estrutura do telhado…
    mais seria uma maravilha se pelo menos 4 de 10 casas fizessem isso…
    Colaboraria e muito com o meio ambiente.
    eu mesmo montaria um empresa…
    Objetivo cortar a grama do seu telhado hehehe

  • Cdalberto

    Para uma uma edificação que possua laje sob o telhado, não há problema algum em “substituir” o telhado pela cobertura vegetal, desde que tomado os devidos cuidados com a impermeabilização. O problema está no escoamento da água excedente, pois laje deverá estar dotada de drenos, coisa que é difícil ter quando se usa telhado, mas que é possível fazer. Se não os fizer, corre-se o risco de ter uma piscina em cima da casa, aí sim, com enorme sobrepeso sobre a estrutura.